Please use this identifier to cite or link to this item: https://repository.ufrpe.br/handle/123456789/1332
Title: Relatório de estágio supervisionado obrigatório na Fazenda Top Fruit: cultura da videira
Authors: Miranda, Maria Mikaely Pereira
metadata.dc.contributor.authorLattes: http://lattes.cnpq.br/7123144506568431
metadata.dc.contributor.advisor: Silva, Mairon Moura da
metadata.dc.contributor.advisorLattes: http://lattes.cnpq.br/7221534109119948
Keywords: Uva - Cultivo;Uva - Produção
Issue Date: 5-Feb-2019
Citation: MIRANDA, Maria Mikaely Pereira.Relatório de estágio supervisionado obrigatório na Fazenda Top Fruit: cultura da videira.2019.34 f.Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Agronomia) – Unidade Acadêmica de Garanhuns, Universidade Federal Rural de Pernambuco, Garanhuns, 2019.
Description: O polo vitivinícola do Vale do São Francisco (VSF) é responsável por 95% da uva de mesa cultivada no Brasil. O Submédio do São Francisco, formado por áreas dos estados da Bahia e de Pernambuco, onde tem-se os municípios de Juazeiro e Petrolina como maiores destaques na produção de uvas, possuem condições e da foclimáticas ímpares para a produção da videira, diferenciando do restante do Brasil e do mundo. O estágio obrigatório foi realizado na fazenda Top Fruit, localizada em Petrolina- PE, que possui atualmente 12 hectares e produz uvas de cor sem sementes. Teve como enfoque principal a prática de tratos culturais, como poda, desbrota, desponte de ramos, raleio, desfolha, seleção de cachos, colheita e atividades de “packing house” na cultura da videira, assim como a aplicação dos conhecimentos adquiridos no curso de agronomia de forma prática na produção de uvas. Atrelado as atividades de campo, foi realizado também o acompanhamento de “packing house” e consultoria técnica, a fim de compreender como funciona toda a cadeia de produção para se obter uma fruta de qualidade. Foi também realizado o acompanhamento da atividade que vem crescendo muito nos últimos anos no Submédio do São Francisco que é o uso de microrganismo no controle de pragas e doenças, usando-se principalmente espécies de bactérias do gênero Bacillus para multiplicação e aplicação no parreiral. Além de poder vivenciar o dia-a-dia em campo e adquirir experiência profissional. Sendo assim, toda essa experiência agregou um enorme conhecimento prático para o crescimento profissional e pessoal, quando somado ao adquirido na universidade, fechando um ciclo de aprendizado.
URI: https://repository.ufrpe.br/handle/123456789/1332
Appears in Collections:TCC - Bacharelado em Agronomia (UAG)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tcc_eso_mariamikaelypereiramiranda.pdf1,2 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.