Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/123456789/592
Título: Efeito do estado fisiológico de mudas de Pinus taeda (L.) no desenvolvimento e sobrevivência da mariposa cigana, Lymanthria dispar (L.) (Lepidoptera: Lymanthriidae)
Autor: Carrano-Moreira, Alberto Fabio
Palavras-chave: Relação inseto-planta;Inseto;Lagarta da Mariposa
Data do documento: 1997
Citação: CARRANO-MOREIRA, Alberto Fabio. Efeito do estado fisiológico de mudas de Pinus taeda (L.) no desenvolvimento e sobrevivência da mariposa cigana, Lymanthria dispar (L.) (Lepidoptera: Lymanthriidae). Cadernos Ômega. Série Agronomia, Recife, n. 8, p. 21-32, 1997.
Abstract: Foi avaliado o desempenho de lagartas de Mariposa Cigana, Lymantria dispar (L.), transferidas de folhas de carvalho (Quercus nigra L.) no segundo, terceiro e quarto estádios para acículas de Pinus taede (L.), cujas plantas tinham sido submetidas a dois tratamentos culturais: 1. regime de irrigação diária com fertilização periódica (CI/CF) e 2. mudas sob regime de irrigação mínima e sem fertilização (SI/SF). As variáveis mensuradas foram: porcentagem media de sobrevivência e peso médio das pupas. No segundo estádio larval só houve sobrevivência nas acículas do tratamento CI/CF. As lagartas do terceiro e quarto estádios no tratamento CI/CF mostraram alta porcentagem de sobrevivência, porem desenvolveram pupas mais leves. As lagartas do terceiro estádio no tratamento CI/CF apresentaram uma sobrevivência significativamente menor, porem se desenvolveram em pupas mais pesadas. No quarto estádio a sobrevivência media não diferiu entre os tratamentos.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/592
Aparece nas coleções:n. 8, 1997 (Série Agronomia)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
OME_n8_1997_agro_02.pdf569,33 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.

Ferramentas do administrador