Please use this identifier to cite or link to this item: https://repository.ufrpe.br/handle/123456789/3365
Title: Avaliação nutricional do resíduo de biscoito para a alimentação de suínos em crescimento.
Authors: Carmo, Matheus Rocha do
metadata.dc.contributor.authorLattes: http://lattes.cnpq.br/1116419112841949
metadata.dc.contributor.advisor: Dutra Junior, Wilson Moreira
metadata.dc.contributor.advisorLattes: http://lattes.cnpq.br/5594343814011398
Keywords: Nutrição animal;Suínos;Alimentos Alternativos;Indústria Alimentícia;Subprodutos
Issue Date: 26-Feb-2021
Citation: Carmo, Matheus Rocha do. Avaliação nutricional do resíduo de biscoito para a alimentação de suínos em crescimento. 2021. 30 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Zootecnia) - Departamento de Zootecnia, Universidade Federal Rural de Pernambuco, Recife, 2021.
Abstract: The objective of this study was to evaluate the residue of the cookie industry for growing pigs. A physical-chemical analysis of the cookie waste (RB) was performed to determine its composition, then a digestibility trial was developed to determine the digestibility coefficients of dry matter (DM) and crude protein (CP). For this, 16 castrated male Landrace x Moura crossbred pigs were kept in metabolism cages, grouped in an entirely randomized design with two treatments (control diet and diet with 40% cookie waste substitution), eight repetitions and one animal per experimental unit in the growth phase (mean initial weight of 34.68 ± 4.14 kg). The experimental period consisted of 14 days, with the first 7 days for adaptation to the cage and feed, and the last 7 days for collection. During this period the animals received water and feed twice a day. Dry matter digestibility, crude protein digestibility and digestible protein were evaluated. The cookie residue presented 90.47% DM, 4.59% CP, 14.80% EE, 1.94% CZ. The gross energy of the cookie residue was 4061 kcal/kg, while the DP was 90.61%. The apparent digestibility coefficients of the cookie residue showed 94.24% CDAMS and 90.21% CDAPB. The results of chemical composition and nutrient digestibility allow us to conclude that the industrial cookie residue has the potential to be used in the feeding of growing pigs.
Description: Objetivou-se com este estudo avaliar o resíduo da indústria do biscoito para suínos em crescimento. Foi realizada análise físico-química do resíduo do biscoito (RB) a fim de determinar sua composição, em seguida foi desenvolvido um ensaio de digestibilidade para determinar os coeficientes de digestibilidade da matéria seca (MS) e proteína bruta (PB). Para isso, utilizou-se 16 suínos machos, castrados, provenientes do cruzamento das raças Landrace x Moura mantidos em gaiolas de metabolismo, agrupados em delineamento inteiramente casualizado com dois tratamentos (dieta controle e dieta com substituição de 40% de resíduo de biscoito), oito repetições e um animal por unidade experimental na fase de crescimento (peso médio inicial de 34,68 ± 4,14 kg). O período experimental foi composto de 14 dias, sendo os 7 primeiros destinados a adaptação dos animais à gaiola e as rações e os 7 últimos utilizados para coletas. Durante este período os animais receberam água à vontade e ração duas vezes ao dia. Foi avaliado a digestibilidade da matéria seca, digestibilidade da proteína bruta e proteína digestível. O resíduo de biscoito apresentou 90,47% de MS, 4,59% de PB, 14,80% de EE, 1,94% de CZ. A energia bruta do resíduo de biscoito foi de 4061 kcal/kg, enquanto a PD foi de 90,61%. Os coeficientes de digestibilidade aparente do resíduo de biscoito apresentaram 94,24% de CDAMS e 90,21% de CDAPB. Os resultados de composição química e digestibilidade dos nutrientes permitem concluir que o resíduo industrial de biscoito possui potencial para ser utilizado na alimentação de suínos em crescimento.
URI: https://repository.ufrpe.br/handle/123456789/3365
Appears in Collections:TCC - Zootecnia (Sede)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tcc_matheusrochadocarmo.pdf1,03 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.