Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/123456789/287
Título: Criação e preservação da abelha Melipona scutellaris, Latreille, 1811, no Nordeste brasileiro*
Autor: Oliveira, Maria Helena Costa C. de
Leal, Maria do Carmo Arcanjo
Almeida, Miracema Gurgel de
Coelho, Maria da Pompéia
Palavras-chave: Abelhas - Criação;Abelhas - Produtos;Mel;Colméias
Data do documento: 1986
Citação: OLIVEIRA, Maria Helena Costa C. de et al. Criação e preservação da abelha Melipona scutellaris, Latreille, 1811, no Nordeste brasileiro*. Cadernos Ômega. Série Agronomia, Recife, n. 2, p. 195-211, 1986.
Abstract: Em continuidade ao programa de pesquisa sobre Melipona scutellaris, Latreille. 1811 abelha de Uruçu em Pernambuco foi elaborado um estudo abordando a importância do mel, técnicas de manejo, aspectos polinológicos e artrópodes parasitos e inquilinos nas colmeias, com base em estudos de ninhos naturais e artificiais. Nas técnicas do manejo foram estudados métodos racionais de criação, higiene, desdobramento e retirada do mel. No que se refere as an8lises polínicas, revelaram que os vegetais mais visitados pertencem às famílias Myrtaceae, seguida de Leguminosae, Rutaceae e Euphorbiaceae. Sempre que os ninhos estão em fracas condições há uma invasão de parasitos e predadores. A espécie mais frequente desses invasores foi a Megaselia scalaris (Phoridae), cujas larvas podem danificar totalmente as formas jovens da M. scutellaris.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/287
Aparece nas coleções:n. 2, 1986 (Série Agronomia)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
OME_n2_1986_agro_14.pdf641,32 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.