Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/123456789/2740
Título: Estudos de docking molecular de derivados da acridina como potenciais intercaladores de DNA e inibidores da topoisomerase IIα
Autor: Castro, Ana Caroline dos Santos
Endereco Lattes do autor: http://lattes.cnpq.br/1602344499679019
Orientador: Souza, Túlio Ricardo Couto de Lima
Endereco Lattes do orientador : http://lattes.cnpq.br/8553398552801408
Palavras-chave: Câncer;DNA;Farmacocinética
Data do documento: 2019
Citação: CASTRO, Ana Caroline dos Santos. Estudos de docking molecular de derivados da acridina como potenciais intercaladores de DNA e inibidores da topoisomerase IIα. 2019. 42 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Química) – Unidade Acadêmica de Serra Talhada, Universidade Federal Rural de Pernambuco, Serra Talhada, 2019.
Abstract: Cancer is a disease that affects about 13% of the world's population per year and has many types of treatments. Among these treatments the most used is chemotherapy, which consists in the use of drugs to control the tumor. For this reason, it is necessary to study new drugs with antitumor activities in order to improve therapy, since current methods still cause many adverse effects. Thus, our objective was to evaluate through molecular docking studies the mechanism of action of acridine derivatives that have known antitumor activity, such as potential DNA intercalators and topoisomerase IIα inhibitors, as well as their pharmacokinetic properties. Thus, eight molecules from an in vitro study were selected, which showed good experimental results against seven tumor types, namely: Breast (MCF-7), liver (HEP-2), colo (COLO-205), (502713), (HCT-15), lung (A-549) and neuroblastoma (IMR-32). These coincided with the in silico results of the present study, where for the three receptor types, binding energies in the range of -8.25 kcal·mol-1 to -10.68 kcal·mol-1 were obtained, making it clear that these compounds may act as intercalating agents. Thus, one can state that the results of the docking study and the pharmacokinetic properties indicate that there is a formation of stable complexes of acridine derivatives with the receptors, showing potentials for topoisomerase IIα inhibition by poisoning. This suggests that the mechanisms used in this study are plausible and these compounds have promising properties as an antitumoral agents.
Resumo: O câncer é uma doença que atinge cerca de 13% da população mundial por ano e possui muitos tipos de tratamentos. Dentre esses tratamentos o mais utilizado é a quimioterapia, que consiste no uso de medicamentos para o controle do tumor. Por este motivo, torna-se necessário o estudo de novos fármacos com atividades antitumorais de forma a aprimorar a terapia, visto que os métodos atuais ainda causam muitos efeitos adversos ao organismo. Desta forma, nosso objetivo foi avaliar através de estudos de docking molecular, o mecanismo de ação de derivados da acridina que possuem conhecida atividade antitumoral como potenciais intercaladores de DNA e inibidores da topoisomerase IIα, bem como suas propriedades farmacocinéticas. Assim, foram selecionadas oito moléculas de um estudo in vitro, as quais obtiveram bons resultados experimentais contra sete tipos de tumor, a saber: Mama (MCF-7), Fígado (HEP-2), Colo (COLO-205), (502713), (HCT-15), Pulmão (A-549) e Neuroblastoma (IMR-32). Os dados experimentais coincidiram com os resultados in silico do presente estudo, onde para os três tipos de receptores, obteve-se valores de -8,25 kcal·mol-1 a -10,68 kcal·mol-1 de energia de ligação, deixando claro que estes compostos têm alta capacidade de atuação como agente intercalador de DNA. Com isso, é possível afirmar que os resultados do estudo de docking e das propriedades farmacocinéticas indicam que há uma formação de complexos estáveis de derivados da acridina com os receptores, apresentando potenciais de inibição da topoisomarase II α por envenenamento. Isso sugere que os mecanismos utilizados nesse estudo são plausíveis e os compostos possuem propriedades promissoras como agentes antitumorais.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/2740
Aparece nas coleções:(UASTLQ) Trabalho de conclusão de curso

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tcc_anacarolinedossantoscastro.pdf911,05 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.