Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/123456789/2503
Título: Avaliação da produção de amilase e protease por fungos filamentosos de solos no Semiárido Pernambucano.
Autor: Freires, Ariane Susan Santos
Endereco Lattes do autor: http://lattes.cnpq.br/0685613862543810
Orientador: Costa, Cynthia Maria Carneiro
Endereco Lattes do orientador : http://lattes.cnpq.br/9859547718446795
Palavras-chave: Biotecnologia;Plantas - Efeito da seca;Fungos
Data do documento: 2019
Citação: FREIRES, Ariane Susan Santos. Avaliação da produção de amilase e protease por fungos filamentosos de solos no Semiárido Pernambucano. 2019. 57 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Ciências Biológicas) – Unidade Acadêmica de Serra Talhada, Universidade Federal Rural de Pernambuco, Serra Talhada, 2019.
Abstract: The fungal soil communities suffer both quantitative and diversity interference caused by biotic and abiotic factors, and in the case of semi-arid soils, they are subject to low water availability, high temperatures and high solar radiation influences directly on the soil. development of these microorganisms. Thus, the objective of this work was to isolate and evaluate the enzymatic activity (amylase and protease) of filamentous fungi of Pernambucano semiarid soils collected at different times in the Mata da Pimenteira State Park Conservation Unit, in the municipality of Serra Talhada - PE. Soil collections were performed in August 2018 and April 2019, at three random points. Isolation of the fungi was performed by serial dilution technique using the Potato Dextrose Agar (BDA) and Sabouraud Agar (SAB) culture media added with chloramphenicol (for the inhibition of bacterial growth) in Petri dishes and incubated at room temperature. environment for seven days. After this period, the fungal colonies were quantified and, based on their morphotype, some were selected for the enzymatic tests of protease and amylase activity. As a result, 43 fungal colonies were isolated and a (CFU / g) quantification of (repeat 1), (repeat 2), (repeat 3) in BDA and SAB culture media, respectively, in the dry season and and (repeat 1), and (repeat 2), (repeat 3) in the BDA and SAB media respectively in the rainy season. Regarding the enzymatic potential 18 isolates were good producers of amylase and protease with emphasis on D8 identified as Aspergillus sp. which obtained greater degradation halos for both amylase and protease, with averages of 3.5 and 3.93 cm, respectively; and I3 also identified as Aspergillus sp. had a larger degradation halo for protease with 5.6 cm, both obtained during the drought period. In the rainy season, I9 (Isolated 4) and D9 (Aspergillus sp.) Stood out, which showed degradation halos of 3.5 and 4.16 cm for amylase and protease, respectively. The isolated fungi in this work have biotechnological importance, emphasizing how necessary is the preservation of habitats for the maintenance of microbial species associated with them.
Resumo: As comunidades fúngicas de solos sofrem interferência tanto quantitativas quanto em relação a diversidade ocasionada por fatores bióticos e abióticos, e em se tratando de solos do semiárido, estão sujeitas a baixa disponibilidade de água, altas temperaturas e elevadas incidências de radiação solar que influenciam diretamente no desenvolvimento desses microrganismos. Desta maneira, este trabalho teve por objetivo o isolamento e avaliação da atividade enzimática (amilase e protease) de fungos filamentosos de solos do semiárido Pernambucano coletados em diferentes épocas na Unidade de Conservação Parque Estadual Mata da Pimenteira, no município de Serra Talhada – PE. As coletas do solo foram realizadas em agosto de 2018 e abril de 2019, em três pontos aleatórios. O isolamento de fungos foi realizado por meio da técnica de diluição seriada, utilizando os meios de cultura Agar Batata Dextrose (BDA) e Agar Sabouraud (SAB) acrescidos de cloranfenicol (para a inibição de crescimento bacteriano) em placas de Petri e incubados a temperatura ambiente por sete dias. Após este período, foi realizada a quantificação das colônias fúngicas e, baseado em seu morfotipo, a seleção de algumas para os testes enzimáticos de atividade de protease e amilase. Como resultado obtivese o isolamento de 43 colônias fúngica e uma quantificação em (UFC/g) (repetição 1) (repetição 2), (repetição 3) nos meios de cultura BDA e SAB, respectivamente, no período de estiagem e de (repetição 1), (repetição 2), (repetição 3), nos meios de BDA e SAB respectivamente, no período chuvoso. Em relação ao potencial enzimático 18 isolados se apresentaram como bons produtores de amilase e protease com destaque para D8 identificado como Aspergillus sp. o qual obteve maiores halos de degradação tanto para amilase quanto para protease, com médias de 3,5 e 3,93 cm, respectivamente; e o I3 também identificado como Aspergillus sp. teve maior halo de degradação para protease com 5,6 cm, ambos obtidos durante o período de estiagem. Já no período chuvoso o destacou-se os I9 (Isolado 4) e D9 (Aspergillus sp.) que demonstraram halos de degradação de 3,5 e 4,16 cm para amilase e protease, respectivamente. Os fungos isolados nesse trabalho possuem importância biotecnológica, VIII 9 enfatizando o quão necessária é a preservação dos habitats para a manutenção de espécies microbianas associadas aos mesmos.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/2503
Aparece nas coleções:(UASTBCB) Trabalho de conclusão de curso

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tcc_arianesusansantosfreires.pdf993,19 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.