Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/123456789/2297
Título: Representações sociais dos pais e/ou responsáveis pelas crianças e pelos/as adolescentes do projeto ações socioeducativas sobre alimentos, nutrição, hábitos alimentares e alimentação saudável
Autor: Araújo, Vitor Daniel Santos
Endereco Lattes do autor: http://lattes.cnpq.br/5341820602000111
Orientador: Saraiva, Joseana Maria
Endereco Lattes do orientador : http://lattes.cnpq.br/2009197399132834
Co-orientador : Silva Júnior, Marcony Edson da
Endereço Lattes do Co-orientador : http://lattes.cnpq.br/2170347292305027
Palavras-chave: Hábitos alimentares;Nutrição;Assistência alimentar;Representações sociais
Data do documento: 2019
Citação: ARAÚJO, Vitor Daniel Santos. Representações sociais dos pais e/ou responsáveis pelas crianças e pelos/as adolescentes do projeto ações socioeducativas sobre alimentos, nutrição, hábitos alimentares e alimentação saudável. 2019. 48 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Economia Doméstica) - Departamento de Ciências Domésticas, Universidade Federal Rural de Pernambuco, Recife, 2019.
Abstract: This study shows the results of the Compulsory Supervised Internship (ESO), an indispensable component of the Curriculum Matrix of the Bachelor Degree in Home Economics, developed at the Center for Studies and Research on Public Policy for Children and Adolescents -NEPIAD / Department of Domestic Sciences (DCD). / UFRPE, in which the Socioeducational Actions Project for Elementary School Children and Adolescents in public schools of the Recife-PE municipal school is developed.The ESO was developed from August to December 2018 and included a total workload of 360 hours. The object of study of the Compulsory Curricular Internship was constituted of the research entitled "Social representations of the parents and/or guardiansfor the children and adolescents of the project socioeducative actions on food, nutrition, eating habits and healthy eating". Studies consider that food choices and consumption are influenced by individual and collective determinants. Individuals refer to subjectivity, to the knowledge that the individual has about food, nutrition, healthy eating and healthy eating, and those of collective order refer to economic, social and cultural factors. It is understood that in order to promote healthy eating habits, it is necessary for parents (or guardians) to have theoretical and practical knowledge about food, nutrition, healthy eating and other correlated ones, based on the principles of prevention and promotion of health and nutrition. In this direction, assessing the level of vision about food, nutrition, eating habits and healthy eating of the parents and/or those guardiansfor the children and adolescents participating in this project becomes essential in order to intervene in reality and transform it. It is a case study of an explanatory nature and a qualiquantapproach. Data collection was carried out at NEPIAD, based on the application of an interview form containing open and closed questions, concretized with 14 parents and guardiansfor the children and adolescents participating in the project. The results show, through the analysis andunderstanding of the social representations of the interviewees, that, almost all of them do not have theoretical and practical knowledge about food, nutrition, eating habits and healthy eating, and do not even imagine the importance of knowledge on thesesubjects for everyday life, disease prevention and health promotion.The results reflect an empiricist and common-sense view on food, nutrition, eating habits and healthy eating. This may explain why other studies have shown that the consumption and eating patterns of Brazilians in recent decades have undergone significant changes, influenced by social, economic and cultural factors that directly reflect access, choice and consumption of food, therefore, in unhealthy eating behavior. It is suggested that Food and Nutrition Education combined with the development of healthy food practices and the improvement of the economic and social conditions of the less favored populations, should be seen as an effective technique for the development of eating habits and, therefore, promotion of healthy eating.
Resumo: Este estudo mostra os resultados do Estágio Supervisionado Obrigatório (ESO), componente imprescindível da Matriz Curricular do Curso de Bacharelado em Economia Doméstica, desenvolvido no Núcleo de Estudos e Pesquisas em Políticas Públicas para Infância e Adolescência –NEPIAD/ Departamento de Ciências Domésticas (DCD) /UFRPE, no qual é desenvolvido o Projeto Ações Sócioeducativas para crianças e adolescentes do Ensino Fundamental de escolas públicas da rede municipal de Recife-PE. O ESO foi desenvolvido no período de agosto a dezembro de 2018 e contemplou uma carga horária total de 360 horas. O objeto de estudo do Estágio Curricular Obrigatório se constituiu da pesquisa intitulada “Representações sociais dos pais e/ou responsáveis pelas crianças e pelos/as adolescentes do projeto ações socioeducativas sobre alimentos, nutrição, hábitos alimentares e alimentação saudável”. Estudos consideram que as escolhas e o consumo de alimentos são influenciados por determinantes de ordem individual e coletiva. Os de ordem individual remetem à subjetividade, ao conhecimento que o indivíduo possui acerca da alimentação, nutrição, do comer saudável e sobre alimentação saudável e os de ordem coletiva remetem aos fatores econômicos, sociais e culturais. Entende-se que para promoção de hábitos alimentares saudáveis se faz necessário que os pais (ou responsáveis) tenham conhecimentos teórico-práticos sobre alimentação, nutrição, alimentação saudável e outros correlacionados, fundamentados nos princípios da prevenção e da promoção da saúde e da nutrição. Nessa direção, avaliar o nível a visão sobre alimentação, nutrição, hábitos alimentares e alimentação saudável dos pais e/ou responsáveis pelas crianças e pelos/as adolescentes participantes do referido projeto torna-se fundamental tendo em vista intervir na realidade e transformá-la. Trata-se de um estudo de caso, de natureza explicativa e de abordagem qualiquanti. A coleta de dados foi realizada no NEPIAD, a partir da aplicação de um formulário de entrevista contendo perguntas abertas e fechadas, concretizadas com 14 pais e responsáveis pelas crianças e pelos/as adolescentes que participam do referido projeto. Os resultados mostram por meio da análise e da compreensão das representações sociais dos/as entrevistados/as que, a quase a totalidade não tem conhecimento teórico-prático sobre alimentação, nutrição, hábitos alimentares e alimentação saudável enem mesmo imaginam a importância que tem o conhecimento sobre esses assuntos para a vida cotidiana, prevenção de doenças e promoção da saúde. Os resultados refletem uma visão empírica e fundamentada no senso comum sobre alimentação, nutrição, hábitos alimentares e alimentação saudável. Isso pode justificar porque outros estudos têm evidenciado que o consumo e os padrões de alimentaçãodos/as brasileiros/as nas últimas décadas, têm sofrido mudanças significativas, influenciadas por fatores sociais, econômicos e culturais que refletem diretamente no acesso, na escolha e no consumo dos alimentos, por conseguinte, no comportamento alimentar não saudável. Sugere-se que a Educação Alimentar e Nutricional aliada ao desenvolvimento de práticas alimentares saudáveis e a melhoria das condições econômicas e sociais das populações menos favorecidas, compareça como uma técnica eficaz para o desenvolvimento de hábitos alimentares e, por conseguinte, promoção de uma alimentação saudável.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/2297
Aparece nas coleções:(CDIED) Trabalho de conclusão de curso

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tcc_vitordanielsantosaraujo.pdf930,2 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.