Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/123456789/2240
Título: Influência da taxa de aquecimento na produção do carvão da madeira de Eucalyptus spp.
Autor: Interaminense, Pedro Paulo Barros
Endereco Lattes do autor: http://lattes.cnpq.br/7774231489365848
Orientador: Braz, Rafael Leite
Endereco Lattes do orientador : http://lattes.cnpq.br/7332493832361305
Palavras-chave: Carbonização;Biomassa vegetal;Combustão;Eucalípto
Data do documento: 12-Jul-2019
Citação: INTERAMINENSE, Pedro Paulo Barros. Influência da taxa de aquecimento na produção do carvão da madeira de Eucalyptus spp. 2019. 45 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Engenharia Florestal) - Departamento de Engenharia Florestal, Universidade Federal Rural de Pernambuco, Recife, 2019.
Abstract: This work aims to evaluate two carbonization marches and the fresh material collected in a Eucalyptus stand, located in Araripina - PE, in the northeastern backlands, using several clones who being homogenized to evaluate the practices. The Eucalyptus' samples were transformed into chips and underwent a drying process in an oven regulated at 65ºC ± 5ºC for 48-72 hours, until they reached constant weight, obtaining the moisture content and bulk density. Part of the biomass was intended for immediate chemical analysis and to estimate the superior calorific value, and the rest was used to the carbonization process. The gravimetric yield, immediate chemical analysis, and estimation of the superior calorific value of the charcoal produced were determined. Regarding the immediate chemistry analysis, it was possible to observe the reduction of volatile material contents and increase of fixed carbon after the carbonization process. The estimated calorific value was 4357.35 kcal.kg-1 for the fresh sample and 7220.28 kcal.kg-1 for the first march and the second march, related to the charcoal, was 7265.15 kcal.kg-1. Thereby, the second gear is better to use as charcoal because it has a shorter carbonization time and it has the same quality when compared to the first gear for the variables used.
Resumo: O objetivo do presente trabalho foi avaliar duas marchas de carbonização e o material in natura, coletado em uma área de povoamento florestal de Eucalyptus spp. em Araripina - PE, no sertão nordestino, utilizando diversos clones e sendo os mesmos homogeneizados para avaliação das práticas. Os discos de Eucalyptus spp. foram transformados em cavacos e passaram por um processo de secagem em estufa regulada à 65ºC ± 5ºC por 48-72 horas, até atingirem peso constante, obtendo o teor de umidade e a densidade a granel. Parte da biomassa foi destinada para análise química imediata e estimativa do poder calorifico superior, outra parte utilizada no processo de carbonização. Em seguida, foi determinado o rendimento gravimétrico, análise química imediata e estimativa do poder calorifico superior do carvão vegetal produzido. Em relação à química imediata, foi possível observar a redução dos teores de materiais voláteis e aumento do carbono fixo após o processo de carbonização. A estimativa do poder calorifico foi de 4357,35 kcal.kg-1 para a amostra in natura e 7220,28 kcal.kg-1 para a primeira marcha e a segunda marcha ficou em 7265,15 kcal.kg-1 em relação ao carvão vegetal. Concluiu-se que a segunda marcha é melhor a ser utilizada devido ter um menor tempo de carbonização e ter a mesma qualidade em relação a primeira marcha para as variáveis utilizadas.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/2240
Aparece nas coleções:(CDIEF) Trabalho de conclusão de curso

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tcc_pedropaulobarrosinteraminense.pdf565,56 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.