Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/123456789/2236
Título: Biossegurança nos laboratórios de pesquisa e práticas do Departamento de Ciência Florestal da Universidade Federal Rural de Pernambuco
Autor: Lima, Carlos Roberto de
Endereco Lattes do autor: http://lattes.cnpq.br/2847013832175027
Orientador: Berger, Rute
Endereco Lattes do orientador : http://lattes.cnpq.br/5395827385005105
Co-orientador : Galdino, Rosa Maria Nunes
Endereço Lattes do Co-orientador : http://lattes.cnpq.br/0318992418792614
Palavras-chave: Biossegurança;Laboratórios microbiológicos - Medidas de segurança;Avaliação de riscos ambientais
Data do documento: 3-Dez-2019
Citação: LIMA, Carlos Roberto de. Biossegurança nos laboratórios de pesquisa e práticas do Departamento de Ciência Florestal da Universidade Federal Rural de Pernambuco. 2019. 49 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Engenharia Florestal) - Departamento de Engenharia Florestal, Universidade Federal Rural de Pernambuco, Recife, 2019.
Abstract: To prevent accidents and discarding of residues, as well as the use of suitable equipment to the laboratory, is the main challenge of biosecurity that should be induced on every beginner laboratory users, as well to the “experienced” ones at any activity setup, that utilize a place to prepare activities, which manipulates products or procedures that are dangerous to human, animal and environment health. Objectified analysis of three Research Laboratories utilized to practical classes, two being of computer science and the other the tree nursery from the department of forestry science of Universidade Federal Rural de Pernambuco – Campus Recife , on the criteria established on norms and work safety laws, Solid Residues and Effluents, as well to evaluate the risks of the activities and to generate a risk map. The methodology included the gathering of processes and activities executed at each laboratory, by each of its respective coordinators and researchers. There were observed problems on the infrastructure and the use of individual and collective safety equipment, the lack of adequate personal training, which requires attention and investments from the State about the biosecurity.
Resumo: Prevenir acidentes e descartes de resíduos, bem com a utilização de equipamentos devidamente úteis para o laboratório, é o grande desafio da biossegurança que deveria ser incutido em todos os usuários iniciantes e nos chamados ''experientes" que se utilizam de um espaço para o preparo de atividades, os quais manipulam produtos ou procedimentos prejudiciais à saúde humana, animal e ao meio ambiente. A partir desse pressuposto, objetivou-se analisar três laboratórios de pesquisas utilizados para aulas práticas, dois de informática e o Viveiro Florestal do Departamento de Ciência Florestal da Universidade Federal Rural de Pernambuco – Campus Recife, quantos aos critérios estabelecidos em normas e legislações de segurança do trabalho, resíduos sólidos e efluentes, bem como avaliar riscos das atividades e gerar um mapa de risco. A metodologia incluiu o levantamento dos processos e atividades executadas em cada laboratório, por meio de observação dos respectivos coordenadores e usuários. Foram observadas deficiências na infraestrutura e no uso de equipamentos de segurança individual e coletiva, além da falta de treinamento adequado de pessoal, o que requer a necessidade de atenção e investimentos do poder público em relação a biossegurança.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/2236
Aparece nas coleções:(CDIEF) Trabalho de conclusão de curso

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tcc_carlosrobertodelima.pdf1,69 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.