Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/123456789/2083
Título: Quilombolas, representações sociais: um estudo sobre a cultura e história afrodescendentes
Autor: Marçal, Regina Pontes
Endereco Lattes do autor: http://lattes.cnpq.br/0612841048168913
Orientador: Silva, João Gilberto de Farias
Endereco Lattes do orientador : http://lattes.cnpq.br/8962702831748942
Palavras-chave: Identidade social;Protestantes;Brancos
Data do documento: 2019
Citação: MARÇAL, Regina Pontes. Quilombolas, representações sociais: um estudo sobre a cultura e história afrodescendentes. 2019. 52 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Ciências Sociais)- Departamento de Ciências Sociais, Universidade Federal Rural de Pernambuco, Recife, 2019.
Abstract: Brazil was the country that most incorporated the form of slave production in the world with the largest slave colony in the world. From the perspective of investigating experiences regarding the fragmentation of the culture of traditional peoples through the influence of the external (Protestantism), the colonizer, on the ancestry and bleaching of traditional communities in Brazil, particularly in the “Quilombola OnzeNegras Community” under the ideological pressure of the colonizer. In this bias the research aims to understand why the culture of religious movements of African origin is not popular in the Quilombola Onze Negras traditional people community?The general objective of this research is to understand why the culture of religious movements of African origin is not popular in the Quilombola Onze Negras traditionalcommunity. The methodology used had an ethnographic bias with participant observation and literature review about the coming of enslaved blacks to Brazil and the process of colonization and bleaching of their African culture with the conversion of Catholic and Protestant religions and social representations shared by the religious groups of the region. Elevem Black comunity Moreover, the results of the research dialogue with the understanding of the remnants of colonialism after the African diaspora in Brazil in the construction of the Brazilian people that until today traditional communities resist to have the recognition of their African identity but are also colonized Brazilians and experience the coloniality of being. , power and knowledge in the social representations of the religions they worship.
Resumo: O Brasil foi o país que mais incorporou a forma de produção escravista no mundo com a maior colônia de escravos do mundo.Na perspectiva de investigar experiências a respeito de fragmentação da cultura de povos tradicionais pela influência do externo(protestantismo),do colonizador, na ancestralidade e branqueamento das comunidades tradicionais no Brasil em particular na “Comunidade Quilombola Onze Negras” sob a pressão ideológica do colonizador.Neste viés a pesquisa visa entender por que a cultura de movimentos religiosos de matriz africana não é popular na Comunidade povo tradicional Quilombola Onze Negras?O objetivo geral desta pesquisa visa compreender porque a cultura de movimentos religiosos de matriz africana não é popular na Comunidade povo tradicional Quilombola Onze Negras. A metodologia usada teve um viés etnográfico com observação participante e revisão dabibliografia acerca da vinda dos negros escravizados ao Brasil e o processo de colonização e branqueamento de sua cultura africana com a conversão as religiões católicas e protestantes e as representações sociais compartilhadas pelos grupos religiosos da Comunidade Onze Negras. Ademais os resultados da pesquisa dialoga com o entendimento dos resquícios do colonialismo após a diáspora africana no Brasil na construção do povo brasileiro que até hoje as comunidades tradicionais resistem para ter o reconhecimento de sua identidade africana mas também são brasileiros colonizados e vivenciam a colonialidade do ser, poder e do saber nas representações sociais das religiões que cultuam.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/2083
Aparece nas coleções:(CDIBCS) Trabalho de conclusão de curso

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tcc_reginapontesmarcal.pdf814,64 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.