Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/123456789/2041
Título: Doença de deposição de pirofosfato de cálcio em folivora e notoungulata do pleistoceno final do Brasil
Autor: Silva, Rodolfo Costa da
Endereco Lattes do autor: http://lattes.cnpq.br/1731529335514698
Orientador: Oliveira, Gustavo Ribeiro de
Endereco Lattes do orientador : http://lattes.cnpq.br/0511197435512022
Co-orientador : Barbosa, Fernando Henrique de Souza
Endereço Lattes do Co-orientador : http://lattes.cnpq.br/5535002746142941
Palavras-chave: Paleotologia;Fósseis;Ossos - Doenças;Artrite
Data do documento: 13-Dez-2019
Citação: SILVA, Rodolfo Costa da. Doença de deposição de pirofosfato de cálcio em folivora e notoungulata do pleistoceno final do Brasil. 2019. 28 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Ciências Biológicas) - Departamento de Biologia, Universidade Federal Rural de Pernambuco, Recife, 2019.
Abstract: Calcium pyrophosphate deposition disease (CPPD) is a type of crystalline arthritis characterized by the presence of calcified plates reflecting in direction to the articular surface, indentations in the radiocarpals joint surfaces, or calcified concretions over the articular surface. The CPPD can be classified as primary or secondary, depending if there is a relation or not with a pre-existing disease. CPPD has been well documented in mammals of the Brazilian Megafauna of the final Pleistocene, especially in gliptodonts and giant terrestrial sloths. The objective of this work is to present new diagnostics of the CPPD in extinct mammals of the Brazilian Megafauna in the final Pleistocene. The analysed material belongs to the collection of palaeontology of the Rural Federal University of Pernambuco which have been collected in a tank deposit, located in Serra Negra, city of Caruaru, Pernambuco (8°6.8225'S 36°6.0349'W), and include: A calcaneus (UFRPE - 4981) a rib (UFRPE - 5547) and a scapula fragment (UFRPE - 4982) of Eremotherium laurillardi (Xenarthra, Folivora) and the distal portion of a Toxodon sp. Fibula (Notoungulata) (UFRPE - 4990). Each specimen has been macroscopically examined and the presented diagnosis followed as specific literature. The Calcaneus (UFRPE - 4981) presents bone projection at the shallow end of the sustainable facet, near to the tendon insertion area. The rib (UFRPE - 5547) presents bone projection in the border of the chapter surface. The scapula fragment (UFRPE - 4982) presents bone projections next to the center of the articulation, in the glenoid cavity and are associated to minor bone erosions. In the fibula (UFRPE - 4990), it is possible to observe calcium deposition associated to the CPPD onto articular surface of the distal edge, there are also minor bone erosions, of a few millimetres, that can be related to other diseases (e.g. spondyloarthropathy). The presence of those calcified plates over articulations is an indicative of the CPPD – essentially gliptodontes and terrestrial sloths – are predominantly individuals that have great body mass and are senile. There diagnostic of CPPD in eight diferent localities, from Northest of Brazil.
Resumo: Doença por deposição de pirofosfato de cálcio (DDPC) é um tipo de artrite cristalina caracterizada pela presença de placas calcificadas refletindo, em direção a superfície articular, indentações nas superfícies articulares radiocarpais, ou concreções calcificadas sobre a superfície articular DDPC pode ser classificada como primária ou secundária, dependendo se há ou não relação com uma doença preexistente DDPC tem sido bem documentada em mamíferos da Megafauna do Pleistoceno Final do Brasil, especialmente em gliptodontes e preguiças-gigantes terrícolas. O objetivo deste trabalho é apresentar novos diagnósticos e a distribuição geográfica da DDPC em mamíferos extintos da Megafauna do Pleistoceno Final do Brasil. O material analisado pertence à coleção de Paleontologia da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), os quais foram coletados em um depósito de tanque, localidade Serra do Medo, município de Caruaru, Pernambuco (8°6.8225'S 36°6.0349'W) e incluem: um calcâneo (UFRPE - 4981), uma costela (UFRPE - 5547) e um fragmento de escápula (UFRPE - 4982) de Eremotherium laurillardi (Xenarthra, Folivora) e a porção distal de uma fíbula de Toxodon sp. (Notoungulata) (UFRPE - 4990). Cada espécime foi examinado macroscopicamente e o diagnóstico apresentado seguiu conforme literatura específica. O calcâneo (UFRPE - 4981) apresenta projeção óssea na extremidade superficial da faceta sustentacular próximo à área de inserção do tendão. Na faceta ectal, as projeções ósseas são encontradas na margem posterior e também, próxima ao poço de inserção do tendão. A costela (UFRPE - 5547) apresenta projeção óssea na borda da superfície capitular. O fragmento de escápula (UFRPE - 4882) apresenta projeções ósseas próximas ao centro da articulação, na cavidade glenoide e estão associadas a pequenas erosões ósseas. Na fíbula (UFRPE - 4990), é possível observar deposição de cálcio associados à DDPC na superfície articular da extremidade distal, também há pequenas erosões, de poucos milímetros, que podem estar relacionadas com outras doenças (e.g. espondiloartropatia). A presença dessas placas calcificadas sobre articulações é indicativa de DDPC. A causa dessa doença ainda é indefinida, porém, os animais da Megafauna afetados por DDPC – essencialmente gliptodontes e preguiças terrícolas – são predominantemente indivíduos de grande massa corporal e senis. Até então, foi diagnosticado DDPC em oito localidades diferentes, distribuídas no Nordeste do Brasil.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/2041
Aparece nas coleções:(CDILCB) Trabalho de conclusão de curso

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tcc_rodolfocostadasilva.pdf1,41 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.