Please use this identifier to cite or link to this item: https://repository.ufrpe.br/handle/123456789/2023
Title: Fungos de solo do semiárido pernambucano como fonte de compostos com atividade antibacteriana
Authors: Souza, Denise Aparecida dos Santos
metadata.dc.contributor.authorLattes: http://lattes.cnpq.br/3722098868591576
metadata.dc.contributor.advisor: Siqueira, Virginia Medeiros de
metadata.dc.contributor.advisorLattes: http://lattes.cnpq.br/5524459744893735
Keywords: Fungos do solo;Metabólitos;Solos - Conservação
Issue Date: 2019
Citation: SOUZA, Denise Aparecida dos Santos. Fungos de solo do semiárido pernambucano como fonte de compostos com atividade antibacteriana. 2019. 44 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Ciências Biológicas) – Unidade Acadêmica de Serra Talhada, Universidade Federal Rural de Pernambuco, Serra Talhada, 2019.
Abstract: Microorganisms are the main agents of biochemical activities occurring in the soil, being important for the proper functioning of ecosystems, in addition, several natural compounds are produced by microorganisms belonging to the soil, especially fungi, which are an excellent source for exploration of new secondary metabolites with antimicrobial activity, for the production of antibiotics. Thus, the objective of this work was to isolate, quantify and evaluate the antimicrobial potential of filamentous fungi isolated from soil in a preserved area of the Pernambucano semi - arid region, collected at the State Conservation Park Mata da Pimenteira, in the municipality of Serra Talhada - PE. For this, the soil samples were collected in two periods (drought and rain), from which the isolation and quantification of fungi in two culture media (Dextrose Bata Agar and Sabouraud Agar - SAB) by the serial dilution technique. This step was performed with three replicates in each period. Subsequently, the test of antimicrobial activity of fungi against bacteria was also carried out using the gelose block methodology. As a result, a higher quantification of fungi was obtained in the dry season, with higher growth of CFUs in BDA culture medium with 8.6 x 106 CFU / g, followed by 8.3 x 104 CFU / g in SAB. Thirty-one colonies were selected from the collection in drought, of which nine were identified to date as Aspergillus, Penicillium or Eurotium and of which, 20 were submitted to the antimicrobial activity test. Isolate 05 showed a 32 mm diameter inhibition halo against Staphylococcus aureus. Five other fungal isolates were active against Escherichia coli and five against Klebsiella; no fungus has shown activity against Salmonella. In relation to the rainy period, 11 isolates were identified, such as Aspergillus, Penicillium, Cladosporium and Paecilomyces. Of the isolates submitted to the antimicrobial activity test, none of the isolates showed inhibitory activity against the bacteria. From the obtained results, it was possible to verify the antimicrobial potential presented by the fungi in the period of drought, emphasizing its importance in search of new compounds of interest of the pharmaceutical industry.
Description: Os microrganismos são os principais agentes das atividades bioquímicas que ocorrem no solo, sendo importantes para o bom funcionamento dos ecossistemas, além disso, vários compostos naturais são produzidos por estes microrganismos destacando-se os fungos, que são uma excelente fonte para a exploração de novos metabólitos secundários com atividade antimicrobiana, por exemplo. Desse modo, este trabalho teve como objetivo isolar, quantificar e avaliar o potencial antimicrobiano de fungos filamentosos cultiváveis isolados de solo em área preservada do semiárido Pernambucano, na Unidade de Conservação Parque Estadual Mata da Pimenteira, no município de Serra Talhada – PE. Para isto, as amostras de solo foram coletadas em dois períodos (estiagem e chuva), das quais foram realizados os isolamento e quantificação de fungos em dois meios de cultura (Agar Batata Dextrose - BDA e Agar Sabouraud - SAB), a temperatura ambiente, por meio da técnica de diluição seriada. Esta etapa foi realizada com três repetições em cada período. Posteriormente, também foi realizado o teste de atividade antimicrobiana dos fungos frente a bactérias utilizando a metodologia do bloco de gelose. Como resultado, foi obtido uma maior quantificação de fungos em período de estiagem, com maior crescimento de UFCs em meio de cultura BDA com 8,6 x 106 UFC/g, seguido de 8,3 x 104 UFC/g em SAB. Foram selecionadas 31 colônias da coleta em estiagem, das quais nove foram até a presente data identificadas como Aspergillus, Penicillium ou Eurotium e das quais, 20 foram submetidas ao teste de atividade antimicrobiana. O isolado 05 se destacou apresentando halo de inibição de 32 mm de diâmetro frente a bactéria Staphylococcus aureus. Cinco outros isolados fúngicos foram ativos contra Escherichia coli e outros cinco contra Klebsiella; nenhum fungo demonstrou atividade contra Salmonella. Em relação ao período de chuva, foram identificados 11 isolados, como o Aspergillus, Penicillium, Cladosporium, Scopulariopsis e Paecilomyces. Dos isolados submetidos ao teste de atividade antimicrobiana, nenhum isolado demonstrou atividade inibitória frente as bactérias. A partir dos resultados obtidos, foi possível verificar o potencial antimicrobiano apresentado pelos fungos em período de estiagem, ressaltando sua importância em busca de novos compostos de interesse da indústria farmacêutica.
URI: https://repository.ufrpe.br/handle/123456789/2023
Appears in Collections:TCC - Bacharelado em Ciências Biológicas (UAST)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tcc_deniseaparecidadossantossouza.pdf999,15 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.