Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/123456789/2022
Título: Coccidioidomicose no Brasil - uma revisão de literatura
Autor: Santos, Cíntia Caline Bezerra dos
Endereco Lattes do autor: http://lattes.cnpq.br/2020390255494913
Orientador: Costa, Cynthia Maria Carneiro
Endereco Lattes do orientador : http://lattes.cnpq.br/9859547718446795
Palavras-chave: Epidemiologia;Micose;Fungo
Data do documento: 2019
Citação: SANTOS, Cíntia Caline Bezerra dos. Coccidioidomicose no Brasil: uma revisão de literatura. 2019. 61 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Ciências Biológicas) – Unidade Acadêmica de Serra Talhada, Universidade Federal Rural de Pernambuco, Serra Talhada, 2019.
Abstract: Coccidioidomycosis (CMD) is a disease caused by Coccidioides immitis or Coccidioides posadasii and is associated with agricultural and hunting activities. These fungi preferentially inhabit regions of desert climates, produce infectious arthoconidia in the soil that can be aerosolized in the air and, when inhaled by humans, can cause systemic infections. Thus, the present study presents a literature review on coccidioidomycosis, addressing important aspects of the disease such as: characterization of the pathogen, epidemiology, diagnosis and treatment, as well as describing the history of this pathology in Brazil. Its elaboration was made possible through the use of national and international publications of articles, scientific journals, dissertations and theses in bibliographic databases such as: SCIELO (Scientific Electronic Library Online), VHL (Virtual Health Library), Portal CAPES and Pubmed, published in the last 30 years, from 1989 to 2019. Coccidioidomycosis is considered a public health issue, as it has a difficult diagnosis and treatment that is often nonspecific and is often confused with other respiratory diseases, wich can lead the patient to death. In 2018, Pernambuco had its first case of CMD reported in scientific literature in the municipality of Serra Talhada. Until 2007, cases of CMD were registered only in four northeastern states (Ceará, Piauí, Bahia and Maranhão).
Resumo: A coccidioidomicose (CMD) é uma doença causada por Coccidioides immitis ou Coccidioides posadasii, estando associada à atividades agrícola e de caça. Estes fungos habitam preferencialmente regiões de climas desérticos, produzem artroconídios infecciosos no solo que pode ser aerossolizados no ar e, quando inalados por humanos, podem ocasionar infecções sistêmicas. Dessa forma, o presente estudo apresenta uma revisão de literatura sobre a coccidioidomicose, abordando aspectos importantes da doença como: caracterização do agente patógeno, epidemiologia, diagnóstico e tratamento, bem como, descrevendo o histórico desta patologia no Brasil. A sua elaboração foi possível por meio do uso de publicações nacionais e internacionais de artigos, revistas científicas, dissertações e teses em bancos de dados bibliográficos como: SCIELO (Scientific Eletronic Library Online), BVS (Biblioteca Virtual de Saúde), Portal da CAPES e Pubmed, pulblicados nos últimos 30 anos, compreendendo o perído de 1989 a 2019. A CMD é considerada um problema de saúde pública, pois apresenta difícil diagnóstico e tratamento muitas vezes inespecífico, sendo confundida muitas vezes com outras doenças respiratórias, fato este que pode levar o paciente a óbito.Em 2018, Pernambuco teve seu primeiro caso de CMD relatado em literatura científica no município de Serra Talhada. Até 2007 casos de CMD foram registrados apenas em quatro estados do Nordeste (Ceará, Piauí, Bahia e Maranhão).
URI: http://hdl.handle.net/123456789/2022
Aparece nas coleções:(UASTBCB) Trabalho de conclusão de curso

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tcc_cintiacalinebezerradossantos.pdf654,54 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.