Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/123456789/181
Título: Raquitismo da soqueira em cana-de-açucar; etiologia e controle através da resistência
Autor: Coêlho, Rildo Sartori Barbosa
Ramos, Rosa de Lima Bezerra
Palavras-chave: Cana-de-açúcar;Doenças e pragas;fitopatologia
Data do documento: 1980
Citação: COÊLHO, Rildo Sartori Barbosa; RAMOS, Rosa de Lima Bezerra. Raquitismo da soqueira em cana-de-açucar; etiologia e controle através da resistência. Cadernos Ômega, Recife, v.4, n.1, p.13-28, jan./jun. 1980.
Abstract: Embora o Raquitismo da Soqueira em cana-de-açucar tenha sido descrito em 1944, a etiologia desta doença ainda não foi completamente esclarecida. Durante muito tempo prevaleceu a hipótese de um vírus como agente causal e, em seguida, foi levantada a suspeita de que um organismo do tipo micoplasma estivesse associado a esta doença. Trabalhos recentes sugerem uma bactéria do grupo corineforme ou ordem Actionomycetales como possível agente do Raquitismo da Soqueira. Devido a inabilidade em isolar esta bactéria em meio artificial e demonstrar os postulados de Koch, esta hipótese não pode ser considerada conclusiva. Tendo em vista a ausência de sintomas específicos e problemas relacionados com a etiologia, a utilização de variedades resistentes no controle desta doença não tem sido expressiva Resultados de trabalhos publicados, recentemente, demonstraram a possibilidade da seleção de clones resistentes ao raquitismo, através da taxa de fluxo de água em pedaços de colmos infectados e/ou sadios.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/181
Aparece nas coleções:v. 4, n. 1, jan./jun. 1980

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
OME_v4_n1_1980_02.pdf711,61 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.