Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/123456789/1773
Título: A importância da matéria orgânica particulada (MOP) na alimentação de Palythoa caribaeorum e Zoanthus sociatus (CNIDARIA:ANTHOZOA:ZOANTHARIA)
Autor: Silva Junior, José Guilherme Alves da
Endereco Lattes do autor: http://lattes.cnpq.br/0133397850090365
Orientador: Gomes, Paula Braga
Endereco Lattes do orientador : http://lattes.cnpq.br/3289333472399959
Palavras-chave: Fitoplancto marinho;Biologia dos recifes de coral;Zooplancto marinho
Data do documento: 9-Dez-2019
Citação: SILVA JUNIOR, José Guilherme Alves da. A importância da matéria orgânica particulada (MOP) na alimentação de Palythoa caribaeorum e Zoanthus sociatus (CNIDARIA:ANTHOZOA:ZOANTHARIA). 2019. 26 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Ciências Biológicas) - Departamento de Biologia, Universidade Federal Rural de Pernambuco, Recife, 2019.
Abstract: Zoanthids are zooxanthelated benthic cnidaria that are a fundamental part of several ecological relationships that occur in the marine environment. Although there are studies that seek to understand their consumption, none of them considered the role of organic matter in their diet, so the aim of this study is to evaluate the role of MOP in the feeding of Palythoa caribaeorum and Zoanthus sociatus. Four alterations were made within 24 hours at Serrambi beach, Pernambuco coast, where colonies of P. caribaeorum and Z.sociatus were collected. In laboratory or material was dissected, abundance of fit and zooplankton, as well as particulate organic matter were recorded. Subsequently a biomass item was calculated for each food item after comparing a biomass sample and was made in the nested ANOVA GLM where times and dates were nested. Regarding abundance, P. caribaeorum consumes more phytoplankton. Particulate organic material represents only 16.98% of food items for a species. A single significant difference can be observed in the second observation made during the upward waiting period (F = 9,348; p = 0.00001). In relation to carbon input (biomass). The three selected items are similar throughout the day. However, although the adjustment was the most abundant, it represents the smallest amount of carbon of the three items analyzed. GLM revealed a significant number between last high tide MOP and other food items (F = 9.1292; p = 0.0001). Z. sociatus feeds a lot less compared to P. caribaeorum, Z. sociatus seems to feed regularly throughout the light period, however, a drop in prey is detected in the third observation, the only one at night. Nevertheless, the test did not identify any significant differences within or between times (F = 1.8962; p = 0.05). In relation to biomass or phytoplankton and MOP, it has a much greater importance than the zooplankton factor that was observed in GLM which is significantly different (p = 0.0001 and F = 9.851).
Resumo: Os zoantídeos são cnidários bentônicos zooxantelados que são parte fundamental de diversas relações ecológicas que ocorrem no ambiente marinho. Apesar de existir trabalhos que busquem compreender sua alimentação nenhum deles levou em consideração o papel da matéria orgânica particulada na dieta dos mesmo, logo o objetivo deste estudo é avaliar o papel do MOP na alimentação de Palythoa caribaeorum e Zoanthus sociatus. Foram feitas 4 amosragens em um período de 24 horas na praia de Serrambi, litoral de Pernambuco onde foram coletadas colônias de P. caribaeorum e Z.sociatus. Em laboratório o material foi dissecado, registrado a abundância de fitoplâncton e zooplancton assim como da matéria orgânica particulada. Posteriormente foi calculado a biomassa de cada item alimentar, afim de comparar a abundância e a biomassa foi feito um GLM do tipo anova aninhada aonde horários e marés estavam aninhados. Em relação a abundância, P. caribaeorum consome mais fitoplâncton. O material orgânico particulado representou apenas 16,98% dos itens alimentares para a espécie. A única diferença significativa pode ser observada na abundância de fitoplâncton na segunda observação realizada no período vespertino em maré alta (F =9,348;p=0,00001). Em relação ao aporte de carbono (biomassa). Os três itens mostraram-se similares ao longo do dia. No entanto, apesar do fitoplâncton ter sido o mais abundante ele representou a menor quantidade de aporte de carbono dos três itens analisados. O GLM revelou um p significativo entre o MOP da última maré alta e aos demais itens alimentares(F=9,1292; p=0.0001). Z. sociatus se alimentou bem menos se comparado a P. caribaeorum, Z. sociatus parece se alimentar de forma regular durante todo período de incidência de luz, no entanto detectamos uma queda na abundância de presas na terceira observação, a única realizada no período da noite. Apesar disso, o teste não identificou nenhuma diferença significativa, dentro dos horários ou entre os horários (F=1,8962; p=0,05) . Em relação a biomassa o fitoplâncton e o MOP possuem uma importância bem maior que o zooplâncton tal fator foi observado no GLM que relevou uma diferença significativa (p=0,0001 e F=9,851).
URI: http://hdl.handle.net/123456789/1773
Aparece nas coleções:(CDILCB) Trabalho de conclusão de curso

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tcc_art_joseguilhermealvesdasilvajunior.pdf309,31 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.