Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/123456789/171
Título: Determinação espectrofotométrica de cobalto com dioxima do ácido cromotrópico
Autor: Rodrigues, Rivaldo Alves
Palavras-chave: Química inorgânica;Química analítica;Espectrofotometria;Cobalto
Data do documento: 1979
Citação: RODRIGUES, Rivaldo Alves. Determinação espectrofotométrica de cobalto com dioxima do ácido cromotrópico. Cadernos Ômega, Recife, v.3, n.1-2, p. 189-199, jan./dez. 1979.
Abstract: A coloração azul produzida pela reação de complexação do íon cobalto (11) com dioxima do ácido cromotrópico, em soluções amoniacais de cobalto, pode ser usada para a determinação seletiva de cobalto. Os melhores resultados foram obtidos quando se adicionou em balões aferidos para 50 ml aliquotas de solução 1 ,O7 x 10-M de Coc12. 6H20, 3,5 ml de solução 2,4 M deNH3, 10 ml de solução 1.41 x M de dioxima do ácido cromotrópico, água destilada para completar o volume e leituras espectrofotométricas de onda de 560 nm contra a solução amoniacal do reagente. O sistema obedece a Lei de Lambert-Beer num intervalo de concentração de 0,254 a 2,794 ug de coi2/ml. O erro relativo é aproximadamente 0,70% e o coeficiente de absortividade molar é em torno de 1,74 x 1 04. Interferem na proporção de 1:l I do ion coi2: 1 pg do ion interferente) Cu+² e Ni+²:10 Mg+². Cr+³, Mn+² Bi+³; 1:25 Ca+², Sr+², Cd+² e Pb+². 1:50 Ba+², Fe+², Zn+², Pd+² e Hg+² . Dentre os elementos estudados, o cobre e o níquel presentes são os que mais influenciam contudo, quando a razão foi reduzida para 1 :25, nenhuma influência foi observada com a determinação de cobalto na presença de solução 0,002 M de KCN.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/171
Aparece nas coleções:v. 3, n. 1-2, jan./dez. 1979

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
OME_v3_n1-2_1979_18.pdf371,05 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.