Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://hdl.handle.net/123456789/1260
Título: A cannabis no Brasil: perspectiva histórica, legal e tendências econômicas da legalização
Autor: Godoy, Isabelle de Almeida
Endereco Lattes do autor: http://lattes.cnpq.br/8645589364741734
Orientador: Leão, Éder Lira de Souza
Endereco Lattes do orientador : http://lattes.cnpq.br/4434499456331867
Palavras-chave: Maconha - Aspectos sociais;Maconha - Legislação;Economia
Data do documento: 2018
Citação: GODOY, Isabelle de Almeida. A cannabis no Brasil: perspectiva histórica, legal e tendências econômicas da legalização. 2018. 56 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Ciências Econômicas) – Unidade Acadêmica de Serra Talhada, Universidade Federal Rural de Pernambuco, Serra Talhada, 2018.
Abstract: The study followed the precepts of bibliographic and documentary research, considerenting historical and social factors to explain the beginning of cannabis’ ilegality in Brazil and inquires the effectiveness of the system to combat consume and production of drugs basedon repression and prohibition. It exposes the Law of Drugs 11.343/2006 in force and its implications, exemplifying the legalization and discrimination using international cases. It analyzes the "Polígono da Maconha" and its productive potential, as well the necessary conditions to cultivate the plant, serving to study others locals with similar characteristics. Also reflects on the economics of legal, security and anti-trafficking costs, as well as the gains generated through resources that can come of legalization. Besides the effects to reduce violence and incarceration of population, promoting social welfare. The study intends to comprehend the results of cannabis’ legalization for the country, in especial, for northeastern backwoods, as well the benefits that can be obtain and possible market tendencies.
Resumo: O estudo seguiu os preceitos de pesquisa bibliográfica e documental, considerando fatores históricos e sociais para explicar a origem da ilegalidade da cannabis no Brasil, questionando a eficiência do modelo de combate ao consumo e produção de drogas baseado na repressão e proibição. Expõe a Lei de Drogas 11.343/2006 em vigor no país e suas implicações, exemplificando a legalização e descriminalização com casos internacionais. Analisa o “Polígono da Maconha” e suas potencialidades produtivas, assim como, as condições necessárias ao cultivo da planta, servindo à análise de áreas com características similares. Reflete ainda sobre a economia dos custos jurídicos, de segurança e do combate ao tráfico, como também dos ganhos gerados através das receitas que podem advir da legalização. Além, dos efeitos para diminuição da violência e encarceramento da população, promovendo bem-estar social. A pesquisa busca compreender os frutos da legalização da cannabis para o país, em especial, para o sertão nordestino, bem como os benefícios que podem ser obtidos e as possíveis tendências de mercado.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/1260
Aparece nas coleções:(UASTBCE) Trabalho de conclusão de curso

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tcc_isabelledealmeidagodoy.pdf977,1 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.